Midiamax
BUSCA: 
 Capa

 Últimas Notícias

 Pimenta no Reino

 Bastidores

 Transparência

 Política

 Polícia

 Emprego

 Tecnologia

 Esportes

 Geral

 Mundo

 Brasil

 Agronegócio

 Economia

 Cultura

 Cinema

 Entretenimento
Articulistas






Espaço do Leitor
Espaço do leitor
Blogs
 Alex Fraga

 Ana Cavalheiro

 Cozinha de Raízes

 Eugênia Amaral

 Falo Blogo Escrevo

 Festas e Eventos

 João Campos Online

 Papo de Pregão
 Fernando Soares
Mais Lidas
01 Colisão entre caminhão e ônibus na BR-163 mata quatro pessoas e deixa várias feridas

02 Polícia identifica as cinco vítimas que morreram em acidente grave na BR-163

03 Havan diz que vai reparar cliente constrangido por funcionário na loja de Campo Grande

04 Presos golpistas que se passavam por ex-viciados ou universitários pobres para vender livros

05 Homem agride e tenta matar rapaz ao descobrir que esposa estaria grávida dele

Acesso Fácil
Faça da Midiamax sua página inicial
Veja também Economia

01/01/2013 08:13

Novo salário mínimo começa a valer a partir de hoje

Aumentar texto Diminuir texto

Terra/NG

O novo salário mínimo, no valor de R$ 678, começa a valer nesta terça-feira (1º). O decreto corrigindo o valor foi assinado pela presidente Dilma Rousseff no dia 24 de dezembro e publicado no Diário Oficial da União do dia seguinte. O ganho real ao trabalhador brasileiro, segundo o governo, será de 9%.

O valor é calculado segundo uma regra que leva em consideração a inflação do ano anterior ao ajuste e a variação do Produto Interno Bruto (PIB - soma de todas as riquezas produzidas no País) de dois anos antes. Para 2013, o cálculo é feito com base nos 2,7% de crescimento da economia em 2011 mais a projeção do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 6,1% neste ano.



Comentários (0)

 
Deixar comentário
15h14
Prefeitura realiza na sexta-feira segundo sorteio do IPTU Dá Prêmios 2014
12h50
Saída de dólares do país supera entrada em US$ 4,68 bi neste mês, até dia 25
10h47
Santander Brasil confirma negociações com o Banco Bonsucesso
Entrevista
“Queremos fomentar o comércio e ajudar as associações a conquistar espaço”, diz presidente da Faems