Você está aqui

Americano de 15 anos é preso por decapitar colega de escola

O corpo foi encontrado nas margens do rio Merrimack, nos Estados Unidos

Um adolescente de 15 anos foi preso em Massachusetts, nos Estado Unidos, acusado de ter decapitado um colega de escola e abandonado o corpo próximo ao rio Merrimack na última quinta-feira (1º).

Segundo informações do The Sun, Mathew Borges de 15 anos, foi indiciado como um adulto pelo assassinato de Lee Manuel Viloria-Paulino, de 16 anos.

O corpo foi encontrado nas margens do rio Merrimack na cidade de Lawrence.

Jonathan Blodgett, advogado do distrito, disse em uma coletiva no sábado, que o corpo estava tão mutilado que a autópsia demorou 11 horas para ser concluída.

"Este foi um horrível assassinato, horrível", disse Blodgett a imprensa. "Estamos completamente e totalmente resolvidos a levar este assunto à justiça."

Segundo notíciado pelo Eagle Tribune, os braços do adolescente foram cortados e sua cabeça foi encontrada a 45 metros de distância.

O estudante foi preso sem incidentes no sábado (3), dois dias depois que o corpo mutilado de Vilora-Paulino foi descoberto.

Carrie Kimball Monahan, porta-voz do escritório de Promotoria de Justiça de Essex, disse que os investigadores "simplesmente não sabem" como os adolescentes se conheciam ou qual era o motivo para o assassinato.

"Nós não estamos cientes de que tipo de relacionamento eles tinham", disse Monahan ao New York Post.

Tópicos