Você está aqui

De olho na Sony Music, banda de Campo Grande participa de concurso nacional

Banda D'kukas busca apoio dos fãs para ir à final em São Paulo

A banda D’kukas está participando do concurso “As Paredes Não Têm Ouvidos” e buscam ir até São Paulo mostrar seu talento para o júri. A banda formada por Maelson Adah, Helô Moura e Lara Kell, se mudou de Rôndonia para Campo Grande no ínicio de 2017. Começaram tocando em alguns bares da Capital, mas o cachê não cobria as expectativas. O trio decidiu então investir na propaganda face a face para conseguir contratos em eventos. Eles entram em estabelecimentos e, depois da autorização do mesmo, conversam com os clientes para vender seus CDs. Você pode ler a história completa da banda aqui.

A 3a edição do concurso, promovido pela EDP Brasil, está em busca de novas bandas brasileiras independentes de rock ou pop rock, com talento e muita vontade de brilhar.

O Concurso que é um sucesso em Portugal chegou ao Brasil em 2016 – país ao qual a EDP traz a sua boa energia – contabilizando mais de 2.900 bandas inscritas em todo território brasileiro.

Nesta edição, tal como nas anteriores, a banda vencedora do EDP Live Bands Brasil vai tocar no NOS Alive em Portugal, um dos maiores festivais da Europa, e gravará um máster de um CD produzido pela Sony Music Entertainment Lda.

Maelson Adah, violinista e vocalista da banda, diz que a banda está mais preparada do que a primeira vez que participaram do concurso e diz estar entusiasmado com o apoio dos fãs de Campo Grande. “Campo Grande já faz parte da história da D’kukas e somos muitos gratos pelo retorno que os campo grandenses estão nos dando”.  
As votações se encerram na próxima sexta-feira (20). Para votar, basta entrar no site e procurar sua banda favorita.

Tópicos