Você está aqui

Santos vence nos pênaltis após 180 min sem gol e vai à semi

Santos eliminou o Botafogo nos pênaltis, por 3 a 1

Depois de 0 a 0 em 180 minutos, o Santos eliminou o Botafogo nos pênaltis, por 3 a 1, na Vila Belmiro. Arthur Gomes converteu a penalidade decisiva depois de Vitor Bueno e Lucas Veríssimo errarem. A equipe de Ribeirão Preto chutou três para fora. O time praiano agora aguarda pelo adversário na semifinal. Palmeiras e Novorizontino se enfrentam nesta quarta-feira. O Corinthians recebe o Bragantino nesta quinta.

O jogo

Os primeiros minutos do jogo empolgaram, mas a animação parou em pouco tempo. Depois de chances em sequência do Santos, o Botafogo acertou a marcação e a partida ficou monótona, com poucas oportunidades.

Aos 19 minutos, o Botafogo-SP teve seu melhor momento na etapa inicial. Danielzinho encontrou Bruno Moraes, que parou em Vanderlei. No rebote, o centroavante tentou de novo, e a bola passou perto da trave esquerda do goleiro.

Depois de algumas finalizações de fora da área, o Santos teve a melhor chance nos minutos finais, quando Daniel Guedes cruzou e Dodô, no segundo pau, bateu de primeira e quase marcou.

0 a 0 se mantém

Nos 45 minutos finais, o jogo foi um pouco mais movimentado. O Santos diminuiu os cruzamentos para tentar infiltrações e finalizações de fora da área. Gabigol teve duas chances. Na primeira, aos 4, chutou por cima do gol. Na segunda, arrancou sozinho, não teve força para ganhar dos defensores e tentou cavar pênalti.

No segundo tempo, o Botafogo-SP ofereceu menos perigo, mas o Santos seguiu sem criatividade. O time abusou dos cruzamentos e só levou perigo em finalizações de fora da área, principalmente com chutes de Arthur Gomes, aos 38 e 44, defendidos por Tiago Cardoso. Pouco antes, Gabigol recebeu bom passe de Daniel Guedes, mas tentou um gol improvável e não servir Eduardo Sasha, que estava sozinho.

Penalidades máximas

Gabigol converteu o primeiro pênalti, Jheimy empatou, Vitor Bueno e Bruno Moraes desperdiçaram, Diogo Vitor colocou o Santos na frente, antes de Dodô chutar longe. Lucas Veríssimo assustou a torcida ao bater por cima, mas Willian Oliveira errou e Arthur Gomes classificou o Santos para a semifinal.

Tópicos