Você está aqui

‘Está em processo de licitação’, diz prefeitura sobre leite especial

Dona de casa não conseguiu buscar o alimento para o filho

O leite especial que o filho de dona de casa Elaine Madalena da Silva, 32 anos, precisa está em processo de compra, conforme a assessoria de imprensa da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde). A mãe da criança ia buscar o alimento em outubro, mas recebeu a informação de que estava em falta, embora outras mães tenham conseguido pegar o produto.

De acordo com a assessoria da Sesau, o leite está em processo de licitação para compra. A secretaria ainda informou que “está trabalhando para regularizar e atender as demandas judiciais”. A nota ainda lembra que “por ser processo licitatório o certame pode sofrer impugnações e contestações”.

Falta do alimento

O filho da Elaine, de 11 anos, tem microcefalia e epilepsia. Há 5 anos, desde que teve uma pneumonia aspirativa, o menino passou a se alimentar através de uma sonda. Para sobreviver, ele depende do leite.

Desde a internação, o menino conquistou na Defensoria Pública o direito ao alimento, que deve ser disponibilizado pelo município e era retirado no CEM (Centro de Especialidades Médicas). A dona de casa explicou que a data prevista para ir buscar o alimento era 28 de outubro, mas, no dia 23, quando ligou no CEM, foi informada de que estava em falta o alimento e que não havia previsão de chegada.

 

Tópicos