Midiamax
BUSCA: 
 Capa

 Últimas Notícias

 Pimenta no Reino

 Bastidores

 Transparência

 Política

 Polícia

 Emprego

 Tecnologia

 Esportes

 Geral

 Mundo

 Brasil

 Agronegócio

 Economia

 Cultura

 Cinema

 Entretenimento
Espaço do Leitor
Espaço do leitor
Articulistas






Blogs
 Alex Fraga

 Ana Cavalheiro

 Cozinha de Raízes

 Eugênia Amaral

 Falo Blogo Escrevo

 Festas e Eventos

 João Campos Online

 Papo de Pregão
 Fernando Soares
Mais Lidas
01 Ator global é internado às pressas em SP

02 Amiga da adolescente estuprada em escola será indiciada por indução à prostituição

03 Cliente da Capital faz vídeo de carro "que só liga quando quer" e reclama de concessionária

04 No interior, IML demora para liberar corpo e Puccinelli chama servidor de vagabundo

05 Diretor de escola onde aluna foi abusada teria dito à mãe que vídeo mostra ela 'gostando'

Acesso Fácil
Faça da Midiamax sua página inicial
Polícia

08/06/2013 16:25

Trabalhador da GVT cai de prédio e morre na hora durante serviço em Campo Grande

Aumentar texto Diminuir texto

Diana Gaúna, Graziela Rezende


Graziela Rezende
Corpo de Bombeiros foi chamado para atender o caso

Um trabalhador da GVT morreu na hora ao cair de um prédio de cerca de 5 metros de altura no centro de Campo Grande. Julio Cesar Aparecido de Castilho, 36, fazia cabeamento da empresa no prédio de 1 andar, quando caiu da cobertura do edifício localizado quase esquina da Castro Alves com Joaquim Murtinho.

Um colega de trabalho da vítima, que trabalhava no local e pediu para não se identificar informou que estava do outro lado do prédio fazendo instalação de energia e telefone, quando viu que Julio Cesar se desequilibrou e caiu. Nenhum dos funcionários conta com equipamentos de proteção.

Uma viatura do Samu e do Corpo de Bombeiros já chegaram ao local e constataram o óbito. Uma fita de isolamento foi colocada no local do acidente.

Muitos curiosos estão se aglomerando. A Polícia Militar também já chegou ao local do acidente.

Comentários (9)

10/06/2013 21:31
VERA
E LAMENTALVEL A MORTE DO TRABALHADOR, PAI DE FAMILIA, QUE TRABALHAVA SOB PRESSÃO, SEM FOLGA, E DEPRIMIDO. AGORA E FORA DA GERENCIA POR A MAO NA CONCIENCIA E VER A SUA PARTE DE CULPA NESSE FATO. GILSON XAVIER GERENTE DA GVT EM CAMPO GRANDE.

10/06/2013 18:14
ex-funcionario Dirceu Lopes
Meus sentimentos a todos os meus ex-colegas.E especialmente a família do Julio Hormung. No dia a dia percebia que ele era um homem dedicado. Eu sou testemunha de que , tanto o gerente como supervisores sempre trabalharam arduamente e constantemente comprometidos com a segurança,através de equipamentos e treinamento a todos da GVT. Que todos fiquem bem.

09/06/2013 22:33
ex
5 por dia 5 por dia 5 por dia 5 por dia

09/06/2013 19:52
Arnaldo Roberto
Disse a reportagem: "Dois colegas de trabalho estão com ele aguardando"...aguardando o quê? Ele ressuscitar? Quem escreveu essa reportagem?

08/06/2013 21:13
ex funcionario
Que essa tragedia sirva de lição para parar de precionar os funcionarios,a GVT sabe que a maioria dos funcinarios tomam remedios por causa do stress ou depressão.Meus sentimentos a familia do Julio castilho e e os amigos da GVT...

08/06/2013 20:33
colaborador da gvt
era uma tragédia anunciada..... e agora Gilson?

Próximo 
22h34
Loja de celulares e assaltada por homem armado no Aero Rancho
21h04
Idosa cai em golpe do carro quebrado e perde R$ 1.600 na Capital
20h33
Pagando o pato por dívida do irmão, dono de serralheria leva calote de fábrica em MS
Entrevista
Tráfico humano: MS tem 'tabela de preços' para mulheres de acordo com a cor, diz especialista
Charge do dia
Charge